domingo, agosto 28, 2011

Inadequação

O sofrimento pode ser uma ferramenta para avançar a um nível mais profundo de fé, consciência e introspecção. A vida contemplativa pode começar em uma experiência de dor. O teólogo Paul Tillich dizia que estamos estagnados até que em um esforço crítico confrontamos o vazio e o silêncio. Somente abraçando a própria inadequação experimentamos o crescimento e uma nova vida. ©

Uma História Real


Título original: The Straight Story
Direção: David Lynch
Gênero: Drama/Aventura
Tempo de duração: 112 minutos
Ano de lançamento: 1999
Sinopse: Um retrato lírico da real viagem de um homem através do coração da América. Filmado ao longo da rota de 260 milhas que Alvin Straigt percorreu em 1994, aos 73 anos de idade, indo de Laurens, Iowa para Mr. Zion, Wisconsin. A viagem de mais de 500 quilômetros, num cortador de grama, demorou mais de seis semanas. Straight empreende esta viagem para recuperar a sua relação com Lyle, o seu irmão de 76 anos, que está gravemente doente. Há mais de dez anos que os dois irmãos não se falam. Acompanhamos a odisséia de Alvin e as pessoas com as quais encontrou ao longo da travessia.

Em Busca de Sentido (Viktor Frankl)

domingo, agosto 21, 2011

Divisão

Confessar Jesus Cristo é eliminar a divisão e a hostilidade, o fim da separação e segregação, o fim da inimizade e do desprezo. Ele fez em seu próprio corpo, a paz. Em sua vida e morte criou um novo homem.
            A inimizade foi morta na cruz. O início da vida cristã começa com uma morte (a nossa própria morte).
            A paz de Cristo aceita a base que permite o culto. Reconhece que estamos aqui, juntos, não porque somos amigos ou porque nós desfrutamos de um relacionamento íntimo, ou porque temos as mesmas opiniões teológicas, mas porque – e apenas porque – nós somos um na paz indestrutível de Cristo. João registra que na noite da ressurreição, as portas da casa onde os discípulos se encontravam estavam trancadas por medo dos judeus e Jesus veio e colocou-se no meio deles, dizendo: A paz seja convosco (Jo. 20:19). Jesus atravessa as portas e paredes erguidas pelo medo e revela o modo como as limitações da nossa comunhão são derrubadas. Ele ultrapassa os obstáculos. Deus é amor, e o amor não ama paredes ou muros de separação. ©

Wit - Uma Lição de Vida

Título original: Wit
Direção: Mike Nichols
Gênero: Drama
Tempo de duração: 99 minutos
Ano de lançamento: 2001
Sinopse: Vivian Bearing (Emma Thompson)é uma professora catedrática de poesia inglesa do século 17. Exigente e precisa em seu trabalho, ela só se deixa abater quando recebe o diagnóstico de câncer no ovário em estágio avançado. Concordando em participar de uma experiência, com uma nova droga, Vivian terá que conviver com terríveis efeitos colaterais. Após anos preocupando-se com os versos metafísicos, agora sua especialidade será outra, a dor e o sofrimento físico, passam a fazer parte de sua vida. Para Vivian, este processo, é devastador e superá-lo é seu novo desafio.

domingo, agosto 07, 2011

Enxergar

Hoje, aos quarenta e quatro anos, algumas vezes imagino o planeta terra como uma casa com lareira e jardim e, outras vezes, uma região inóspita, onde vivemos exilados e somos peregrinos. Nos dois ambientes sou amparado pela fé. A fé me leva a enxergar um mundo que não existe ou abre os meus olhos para um mundo que, sem a fé, não posso vislumbrar? ©

Valentin

Título original: Valentin
Direção: Alejandro Agresti
Gênero: Drama
Tempo de duração: 86 minutos
Ano de lançamento: 2002
Sinopse: 1960, Buenos Aires. Valentin (Rodrigo Noya) é um menino de 9 anos que vive com sua avó (Carmen Maura), já que seu pai vive ocupado trabalhando e sua mãe está desaparecida desde a separação de seu pai. Solitário, Valentin divide seu tempo sonhando se tornar um astronauta e ouvindo as histórias contadas por sua avó. Seu grande sonho é que seu pai o leve para conhecer sua mãe, mas ele se irrita só de ouvir a simples menção do nome dela. Valentin passa a acreditar que possa ter enfim uma mãe quando conhece Leticia (Julieta Cardinali), a mais nova namorada de seu pai.

Arquipélago Gulag (Alexander Soljenítsin)